Edna Carla Stradioto é artista visual plástica direcionada para o uso da técnica de aquarela que, eventualmente, conversa com nanquim, acrílico e outras mídias.

Edna Carla Stradioto aquarela godet mão pintando
Edna Carla Stradioto aquarela godet mão pintando

A poética de seu motif de pintar tem sido basicamente o estilo figurativo, oras explorando retratos, ora paisagens. Faz séries abstratas que conversam com o figurativo para explorar seus estudos criativos e desenvolver elementos pictóricos novos para usar nas pinturas figurativas. Nos últimos anos vem se dedicando quase que exclusivamente à pintura de paisagens.

Em especial, a artista vem explorando o movimento dos capins, em várias séries de pinturas cujo elemento central é, quase invariavelmente, o Capim dos Pampas. Iniciou essa particular inclinação à série de paisagens de capim desde 2018, e foi o especial afeto ao Capim dos Pampas que redirecionou sua técnica para uma expressão mais impressionista, na qual tenta reproduzir a beleza do movimento da planta ao vento, estudando, especialmente as inflorescências da planta, que parecem plumas, divididas em hastes cheias de pequenas sementes.

Em seus trabalhos artísticos, ela pinta como se vários movimentos produzidos no ar arrematassem todos os elementos representados, mas ao mesmo tempo, como se cada um deles se desprendesse em múltiplas pinceladas minúsculas e curtas. Portanto, a característica mais saliente de seu portfólio é a divisão e a união de todos os componentes da imagem, de forma que tudo significa e se ressignifica independente e conjuntamente. A produção dela no tema de paisagem de capim já ultrapassa mais de 400 aquarelas.

Utiliza sempre papel de aquarela 100% algodão, livre de ácido e importado para o melhor resultado das técnicas que aplica. Seus pigmentos são 100% franceses na técnica de aquarela.

É mestre pela UNESP (São José do Rio Preto – SP) e está matriculada em doutorado em Modernidades Comparadas na Universidade do Minho (Braga, Portugal), para continuar os estudos de teoria da imagem voltada para a área de ilustração.

Tem em seu currículo 12 exposições coletivas no exterior, em várias cidades importantes do mundo, tais como: Georgia, Roma, Vienna, Barcelona, Porto, Paris e Lisboa. Já no Brasil tem 19 exposições coletivas, e outras 10 exposições individuais. Tem destaque em sua carreira, as exposições individuais da Linha da Cultura do Metrô SP em 2018 e 2019 (três meses cada ano) e no Museu Casa Guilherme de Almeida (São Paulo – SP, desde maio 2019). Várias de suas exposições tiveram cobertura da imprensa e/ou mídias digitais.

ARTRILHA: artistas criando trilhas

Edna é também fundadora e administradora do grupo de artistas independentes Artrilha, artistas criando trilhas. Recentemente, ela se tornou empreendedora com a Artrilha Editora, responsável pelo lançamento da Revista Artrilha, um sucesso no campo cultural e artístico. Trata-se de uma revista digital de distribuição gratuita que teve como objetivo a divulgação de 40 artistas brasileiros das artes visuais. Saiba mais sobre o projeto e novos lançamentos no site do Artrilha!

FAÇA CONTATO!

Se você desejar manter contato com a artista, ela ficaria encantada em receber uma mensagem!